O jogo de cintura de Temer

O bom administrador público é aquele que também sabe enfrentar crises. E o presidente Michel Temer, está demonstrando ter esta capacidade! E com larga experiência parlamentar, Temer, um hábil negociador com o Congresso, ao enfrentar uma grave denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, por supostos ilícitos em função de um áudio clandestino gravado pelo delator Joesley Batista, no Palácio do Jaburu, sai vitorioso em duas votações na CCJ. Foi quando os seus fiéis aliados recusaram com placar expressivo de 40 votos contra e 25 a favor, o relatório do deputado Sérgio Zveiter (PMDB) que recomendava aceitação da denúncia. E na votação do relatório alternativo, que recomendava não aceitação desta denúncia, do deputado Abi-Ackel (PSDB), o Planalto venceu também com folga por 41 a 24 votos, ficando para o mês de agosto próximo a decisão final no plenário da Câmara. Mas, o talento de administrar crises não se resume a tais denúncias. Já que é bom lembrar que o presidente Michel Temer, ao assumir o Planalto, encontrou a nossa economia em frangalhos, com 14,2 milhões de desempregados e deficit público explosivo, legado do PT. E em apenas 13 meses de gestão, com o respaldo de uma equipe econômica competente que montou, Temer aprovou reformas econômicas inadiáveis, assim como está recuperando as nossas estatais, o desemprego aos poucos está diminuindo, o PIB, deve voltar a crescer neste ano, ganhando a confiança do mercado, etc. Espero que esta trajetória de eficiência do Planalto, não seja interrompida.

Paulo Panossian
paulopanossian@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *